Técnico diz que Balotelli xingou sua mãe: 'ela não é isso que ele falou'

Do UOL, em São Paulo

  • AFP

Mario Balotelli e o técnico do Bastia, François Ciccolini, discutiram no vestiário de partida pelo Campeonato Francês, que terminou empatada por 1 a 1, na sexta-feira. O treinador acusa o atacante do Nice ter insultado sua mãe.

"Se ele tivesse me xingado, eu não teria dito nada. Mas não insulte a minha mãe, que já tem 80 anos e não tem a profissão que ele falou. O motivo que me deixou nervoso? Deixe minha mãe tranquila. Eu fiquei incomodado com isso", disse o treinador à RMC.

O bate-boca avançou para as redes sociais, Balotelli acusa a torcida do Bastia de ter proferido insultos racistas durante o jogo.

"Ontem, contra o Bastia estava tudo certo. Nós iremos trabalhar mais para alcançar nossos objetivos. O juiz estava bem também, mas eu tenho uma pergunta para o pessoal francês. É normal os fãs do Bastia fazer barulhos como se fossem macacos e terminar com 'uh uh' sem que a comissão disciplinar fale nada? O racismo é permitido na França? Ou somente existe no Bastia? O que eles fizeram foi horrível", escreveu Balotelli. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos