Sem Willian, quem está mais perto de herdar a artilharia do novo Mineirão?

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Cruzeiro/Divulgação

    Willian se despede dos companheiros de Cruzeiro na Toca da Raposa II

    Willian se despede dos companheiros de Cruzeiro na Toca da Raposa II

Com o início do Campeonato Mineiro neste final de semana, o Mineirão volta a ser palco de uma recente disputa entre atacantes. Desde que o estádio foi reinaugurado, nenhum outro jogador marcou mais que Willian "Bigode". De 2013 para cá, o atacante foi às redes em 27 vezes. Acontece que agora o ex-camisa 9 não está mais no Cruzeiro e novos goleadores surgem como opções para herdar seu posto. A tendência é de que ainda demore um pouquinho, mas os dois principais clubes de Belo Horizonte já possuem outros postulantes ao cargo.

Dos dez primeiros artilheiros do novo Mineirão, somente três atletas ainda jogam em BH. Depois de Willian, aparecem Ricardo Goulart e Dagoberto, com 22 e 17 gols respectivamente. A ausência desses jogadores pode dar uma brecha para Arrascaeta subir alguns degraus. O uruguaio chegou ao Cruzeiro em 2015 e teve um primeiro ano irregular. Porém, o meia fechou 2016 como maior goleador do time e líder de assistências. Atualmente, o camisa 10 contabiliza 13 gols dentro do Mineirão e é o quarto da lista.

A concorrência de Arrascaeta dentro da Pampulha existe, mas tem chances de não ser tão acirrada por dois motivos. Na sétima colocação e com um gol a menos que o cruzeirense está o argentino Lucas Pratto, do Atlético-MG. Camisa 9 do Galo, o atacante representa sempre um sinal de alerta dentro da área. Porém, o time alvinegro não faz do estádio a sua principal casa, o que diminui as oportunidades para Pratto balançar as redes. Além disso, o atacante ainda corre o risco de receber uma boa proposta para deixar o clube e sair da disputa, assim como aconteceu com Everton Ribeiro, Marcelo Moreno e Borges. Correndo por fora, o atacante Alisson é outro que costuma comemorar muito no Mineirão. Até o momento, o jogador já deixou sua marca por dez vezes.

O primeiro duelo para Arrascaeta, Alisson e companhia darem sequência à disputa particular será já neste domingo, quando Villa Nova e Cruzeiro estreiam no estadual jogando no Mineirão. Já o Atlético, apesar do desejo da diretoria em jogar com mais frequência no estádio, por enquanto ainda não previsão de utilizar o campo para receber suas partidas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos