Fechamento de parte da janela não veta saída de William do Inter. Entenda

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Jeremias Wernek/UOL

    William pode deixar o Internacional para outros mercados cujas janelas seguem abertas

    William pode deixar o Internacional para outros mercados cujas janelas seguem abertas

Nesta terça-feira, boa parte dos países europeus tem sua janela de transferências de meio de temporada encerrada. Mas isso não significa o fim do 'caso William' no Inter. Mesmo que o Wolfsburg, único a fazer proposta por ele até o momento, não possa mais contratar, ainda há ao menos dois mercados potentes autorizados a tentar o jogador. 

A janela de transferências na Rússia fecha-se apenas no dia 24 de fevereiro. Com potencial de investimento, o país é considerado uma das alternativas para entrada na Europa. Além disso, a Ucrânia tem janela de transferências abrindo-se nesta terça. O período para chegada de jogadores de fora do país vai até dia 3 de março. Em Portugal o prazo é mais curto, vai até dia 2 de fevereiro. 
 
Na Ásia, a janela chinesa, que tem se apresentado um destino interessante e de bons pagamentos ao Brasil, fecha-se apenas no dia 28 de fevereiro. No Japão, mercado hoje considerado alternativo, o período se estende até 31 de março. 
 

Sorrisos, conversas e tentativa de renovação

 
Durante o treinamento de segunda-feira, William era só sorrisos. Conversando com dirigentes do Inter, trocando afagos com D'Alessandro, depois de realizar sua atividade separada do elenco, ele encontrou apoio. Esteve ao lado de Ariel, Anderson e Valdívia, sob comando de Élio Carravetta em treino físico, e posteriormente conversou animadamente enquanto assistia a atividade dos demais. 
 
O Internacional já cogita seu retorno ao grupo principal, mas definiu uma condição para isso: renovar o contrato. O vínculo atual de William vai até abril do ano que vem. Em meados de agosto ele está autorizado a assinar um pré-contrato e sair do clube sem gerar lucro algum. Por isso, a estafe do jogador acreditava que a proposta de 4 milhões de euros do Wolfsburg seria aceita. Não foi, o Inter quer ao menos 6,5 milhões. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos