Roger Machado vê "dois tempos distintos" em derrota do Atlético-MG

Enrico Bruno, Thiago Fernandes e Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

    Treinador do Atlético-MG avalia clássico diante do arquirrival Cruzeiro

    Treinador do Atlético-MG avalia clássico diante do arquirrival Cruzeiro

Roger Machado crê que o clássico que culminou na derrota do Atlético-MG para o Cruzeiro, na rodada de estreia da Primeira Liga, teve "dois tempos distintos".

Apesar do predomínio cruzeirense nos números (12 chances criadas contra cinco), o treinador do Galo avalia diferentes atuações nas duas metades.

De acordo com o técnico gaúcho, o Cruzeiro foi superior na primeira etapa, enquanto os seus comandados tiveram mais volume de jogo na metade final.

"Eu vi um clássico distinto em dois tempos. Um primeiro com superioridade do Cruzeiro, em que criou muitas dificuldades defensivas para a gente, abriu o placar e poderia até chegar ao segundo gol. Muito em função de posse de bola, de ter pouca gente à frente, o que fez a gente ter que fazer ligação direta, o que não é ideal. Erros técnicos de passe também", afirmou.

"O segundo tempo, a gente entrou na partida, entramos no campo do Cruzeiro, mas rondou pouco a linha defensiva. Finalizamos pouco na partida inteira", acrescentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos