Túlio abriu mão de time da terceira divisão do Paulista para dar palestras

Do UOL, em São Paulo

  • Rodrigo Corsi/FPF

Túlio Maravilha deveria jogar a terceira divisão do Campeonato Paulista pelo Taboão da Serra, mas três dias antes da competição o clube anunciou que o contrato seria rescindido por causa de compromissos pessoais do atleta.

O atacante de 47 anos contou que o excesso de palestras que têm dado o atrapalhariam. "Sou palestrante motivacional e tem uma demanda grande. Para não prejudicar o Taboão resolvi não me apresentar, porque você precisa se dedicar e fazer com 100% de atitude. Resolvi segurar agora, e quem sabe voltar no futuro. São outros projetos", afirmou durante participação no programa É Gol, do SporTV.

Questionado se iria jogar pelo Taboão para ultrapassar a marca de gols de Romário, Túlio desconversou. Ele tem 1.000 gols na carreira contra 1.002 do atual senador.

"Não era objetivo passar Romário, era dar continuidade na carreira. Mas teve incompatibilidade de agenda", disse.

Túlio lamentou apenas não poder jogar ao lado do filho Tulinho, mas afirmou que espera poder fazer isso no futuro.

Sem Túlio, o Taboão foi derrotado em sua estreia na A3 no último domingo, pela Matonense, por 2 a 0,

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos