Brasileiros são 7 dos 10 times mais valiosos da Libertadores; Galo lidera

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL, de Curitiba (PR)

  • Atlético-MG/Divulgação

Financeiramente, a Libertadores 2017 tem tudo para ficar no Brasil. Dos 10 elencos mais valiosos da competição, em avaliação do site Transfermarkt de janeiro deste ano, sete são brasileiros. O mais rico de todos é o do Atlético Mineiro. Palmeiras e Grêmio fecham o Top 3. Só então aparece o River Plate, da Argentina.

Avaliado em 79,3 milhões de dólares, o elenco do Atlético-MG supera por pouco o do Palmeiras, 72,1 milhões de dólares. O Grêmio está avaliado em 64,9 mi de dólares, seguido do River (61,7 mi de dólares) e do Flamengo (60,9 mi de dólares). O Santos é o sexto (52 mi de dólares), já bem acima do Atlético Paranaense, sétimo, avaliado em 39,5 milhões de dólares. Fecham o Top 10 mais dois argentinos e um brasileiro: San Lorenzo (33,9 mi de dólares), Botafogo (32,3 mi de dólares) e Estudiantes de La Plata (26 mi de dólares).

A Chapecoense, toda remodelada após o trágico acidente vivido em Medellín, é a 20ª colocada do ranking, com elenco avaliado em 19,3 milhões de dólares. O atual campeão, Atlético Nacional de Medellín, está avaliado em 25,7 milhões de dólares, já contabilizadas as saídas como a do meia Guerra, hoje no Palmeiras.

Pelo prisma financeiro, a maior zebra desta Libertadores seria o Universitário de Sucre, da Bolívia, avaliado em apenas 1,6 milhão de dólares. O time foi eliminado na Primeira Fase pelo Montevidéo Wandereres, 35º no ranking (7,7 mi de dólares). Entre os que seguem, o elenco mais mal avaliado é o do também boliviano The Strongest (3,9 milhões de dólares), que encara o mesmo Wanderers na Segunda Fase classificatória.

Destaques dos Brasileiros

No Atlético-MG, os jogadores mais valiosos de acordo com o Transfermarkt são o meia Rafael Carioca e o lateral-direito Marcos Rocha, ambos avaliados em 6,49 milhões de dólares. No Palmeiras, o destaque é o meia Dudu, avaliado em 5,95 mi de dólares. O Grêmio tem como principal jogador no mercado o atacante Luan, de 23 anos, o mais bem avaliado entre os brasileiros na competição: 12,97 mi de dólares.

O meia Mancuello está avaliado em 6,49 mi de dólares e é o jogador mais valioso do Flamengo, acima de Paolo Guerrero, avaliado em 4,32 mi de dólares. Aos 26 anos e com convocações para a Seleção Brasileira de Tite, o meia Lucas Lima é o jogador mais valioso do Santos, 9,73 mi de dólares. A Seleção também é o que valoriza o goleiro Weverton, 3,24 mi de dólares, destaque do Atlético-PR. No Botafogo o nome de destaque é o também goleiro Jefferson, 5,95 milhões de dólares, agora ausente da Seleção. Fechando os destaques brasileiros, o lateral Reinaldo, emprestado pelo São Paulo, é o jogador mais valioso da Chapecoense: 1,62 mi de dólares.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos