Brasil tem dois expulsos e leva a virada do Uruguai no Sul-Americano

Do UOL, em São Paulo

Em um segundo tempo irreconhecível, a seleção brasileira conheceu sua primeira derrota no hexagonal final do Sul-Americano sub-20. Nesta quinta-feira (2), o time de Rogério Micale saiu na frente, mas permitiu a virada do Uruguaio: 2 a 1.

Roteiro menos pior havia acontecido na primeira rodada. Na ocasião, a seleção brasileira chegou a abrir 2 a 0, mas viu o Equador se recuperar e buscar o empate em 2 a 2.

No duelo desta quinta-feira (2), o Brasil saiu na frente com Guilherme Arana, aos 24 minutos do primeiro tempo. O corintiano recebeu belo lançamento de David Neres e tocou na saída do goleiro uruguaio.

O empate uruguaio aconteceu quando o Brasil dominava a partida. Aos 14 minutos do segundo tempo, Rodrigo Amaral soltou a bomba de fora da área e balançou as redes de Lucas Perri. A bola chegou a bater na trave antes de entrar.

A partir daí, o time se perdeu. Aos 21 minutos, Lucas Perri saiu da área para afastar o perigo, e Lucas Cunha derrubou Schiappacase. O zagueiro recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com um a menos, o time de Micale passou a levar um sufoco do Uruguai.

Nos acréscimos, a situação piorou. O também zagueiro Lyanco levou o segundo cartão amarelo e foi expulso. Logo na sequência, a defesa do Brasil afastou a bola e tentou deixar os jogadores uruguaios impedidos. Viña, no entanto, recebeu livre na área, Lucas Perri saiu mal do gol e o zagueiro chutou para virar o jogo para o Uruguai.

Com o resultado, o Brasil cai para a quinta colocação, com um ponto. O Uruguai é o líder, com seis pontos. Na próxima rodada, a seleção brasileira enfrenta a Venezuela, no domingo (5). No mesmo dia, o Uruguai encara a Colômbia.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos