Vizeu decide no final e Brasil vence 1ª no hexagonal final do Sul-Americano

Do UOL, em São Paulo

A primeira vitória brasileira no hexagonal final do Sul-Americano sub-20 veio com muito sufoco. Diante da Venezuela, neste domingo (5), a equipe comandada por Rogério Micale venceu por 1 a 0, com gol no final, e respirou no sonho da classificação para o Mundial da categoria.

O gol brasileiro saiu apenas aos 43 minutos do segundo tempo. Após chutão da defesa, Vizeu ganhou disputa com a marcação e soltou a bomba de fora da área, acertando o ângulo direito do goleiro Fariñez.

No final da partida, uma confusão. David Neres acertou um soco em Mejías, que ficou com o nariz sangrando. O árbitro, no entanto, não viu a agressão brasileira e expulsou apenas García, que atacou o ex-jogador do São Paulo como revide.

A polêmica seguiu mesmo após o apito final. Os jogadores da Venezuela ficaram irritados com a arbitragem no lance e partiram para cima. A polícia precisou entrar em campo para cercar o árbitro e seus assistentes.

Para o duelo, a seleção brasileira não pôde contar com o técnico Rogério Micale à beira do campo. O comandante foi suspenso por causa de uma invasão durante a partida contra o Uruguai, na última quinta-feira (2).

O resultado faz com que o Brasil chegue à terceira colocação, com quatro pontos, mesmo número da Venezeual, segunda. O time de Micale, no entanto, ainda pode ser ultrapassado pela Argentina, que enfrenta o Equador, ainda neste domingo. Apenas quatro times se classificam para o Mundial da categoria.

Na próxima rodada, a penúltima do hexagonal final, o Brasil fará um clássico contra a Argentina. O duelo está marcado para quarta-feira (8). No mesmo dia, a Venezuela enfrenta o Uruguai.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos