"É chato ficar sem fazer gols para um atacante", diz Neymar

Do UOL, em São Paulo

  • Aitor Alcalde/Getty Images

Neymar comemora 25 gols neste domingo e o atacante revelou o que mais lhe incomoda quando está em campo: passar em branco. Até o começo de janeiro, o jogador ostentava 11 partidas sem marcar, até acabar com seu jejum na Copa do Rei, contra o Athletic Bilbao.

"É complicado ficar sem fazer gols, ainda mais um atacante, que é cobrado bastante neste quesito. É ruim, é chato, mas eu não me preocupo, pois eu penso em ganhar partida, seja com gol meu ou do companheiro, e depois eu tento fazer gol e sair dessa zica (risos)", afirmou.

O jogador disse também que acredita ser possível conquistar o título do Campeonato Espanhol em que pese o Real Madrid poder abrir sete pontos de vantagem caso vença os dois jogos que tem a menos.

"Sei que é um pouco difícil, mas nada é impossível. No ano passado, estávamos 12 pontos na frente do segundo e ganhamos por um ou dois, se não em equivoco. Ainda há muitas partidas adiante, qualquer coisa pode acontecer e estamos muito concentrados. Temos sede de título e vamos por ele", afirmou.

Neymar planeja também a participação na Copa do Mundo de 2018 com a seleção brasileira.

"Seria uma grande honra, um grande sonho, que eu tenho de continuar jogando pela seleção brasileira, marcando gols, ajudando da melhor maneira possível. Espero que eu possa continuar fazendo gols, batendo recordes, eu fico muito feliz. Não quero ser melhor do que ninguém, só quero ser melhor do que eu mesmo e para mim, isso já é o que importa. Eu já fico pensando na Copa do Mundo. Um cara que sonha acordado, pensando em como seria ganhar uma Copa do Mundo. Eu vou me preparar muito para 2018", completou. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos