Pai de 'gato' do Paulista conta como filho falsificou idade: "fui traído"

Do UOL, em São Paulo

Heltton Matheus, que se passou por Brendon, para jogar a Copa São Paulo de Futebol Júnior, o seu pai, Nilton Rodrigues, e o pai do verdadeiro Brendon, Éderjofre dos Santos, contaram ao Esporte Espetacular da TV Globo neste domingo (05) como aconteceu o caso de falsificação de idade do jogador para atuar pelo Paulista de Jundiaí.

O pai de Heltton disse se sentir traído pelo filho. "A documentação estava na minha casa. Ele falou que ninguém ajudou. Eu perguntei para ele e ele falou. Eu fui traído pelo meu filho. Não deveria ter acontecido, mas eu não vou virar as costas", disse Nilton Rodrigues.

O pai de Brendon explicou que levou os documentos do filho à casa de Nilton para que o mesmo ajudasse o garoto a jogar no São Gonçalo, onde Heltton já estava.

"Ele era um menino bom. Não sei o que deu. Heltton estava no são Gonçalo e pedi pro Nilton colocar o Brendon. Ele falou que ia falar lá, então eu dei a documentação", relembrou Éderjofre.

Heltton pediu desculpas novamente pelo ocorrido. "Eu não roubei e não matei. Eu tive um desvio de caráter. Eu que tive a ideia e tomei a atitude. Quando eu armei a documentação, ele não estava preso. Fiquei com vergonha de falar com meus pais, mas queria ajudar pela situação que vivem e fiz isso. Quero pedir desculpas aos meus pais", comentou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos