Botafogo reformula time e busca encaixe para Camilo e Montillo

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Vitor Silva/SSPress/Botafogo.

Uma das sensações do último Campeonato Brasileiro, o Botafogo passou por mudanças para a temporada 2017. Entre saída e chegada de atletas, o Alvinegro tenta encontrar a melhor formação para os novos titulares. A maior preocupação é com o encaixe entre os principais jogadores: Camilo e Montillo.

Contra o Colo Colo-CHI, na última quarta-feira, os dois armadores jogaram juntos pela primeira vez no Botafogo. Em campo, Camilo foi mais sacrificado e teve que assumir algumas funções defensivas. Uma clara mudança em relação ao que ocorria em 2016. Isso fez com que o camisa 10 não tivesse um desempenho tão bom com a bola nos pés.

Apesar da vitória, o Botafogo não conseguiu um resultado tão satisfatório. Mais que isso. Entendeu a mensagem que será necessário mudar para manter Montillo e Camilo juntos e rendendo satisfatoriamente. E quem deve pagar essa conta é Roger.

O centroavante não teve desempenho ruim no primeiro jogo. Brigou muito no ataque, mas não teve chance de gols. Como o Alvinegro precisa segurar a vitória parcial, o jogador deverá dar lugar a Rodrigo Lindoso, que reforçará o meio de campo.

Com a provável alteração, Camilo e Montillo teriam maior liberdade para atacar, sem tanto compromisso com a composição defensiva como foi necessário no primeiro duelo, no Rio de Janeiro.

Para avançar à terceira fase da Libertadores, o Botafogo jogar por qualquer empate após vencer por 2 a 1 no Engenhão. Caso os chilenos devolvam o placar a vaga será definida no pênalti. Já com uma derrota por 1 a 0 o Alvinegro é eliminado da competição.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos