Até Maradona se rende ao Atlético Tucumán após atraso de voo e vitória

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / JUAN CEVALLOS

O que aconteceu na noite desta terça (07) na Libertadores com a vitória do Atlético Tucumán sobre o El Nacional após atraso em voo da equipe argentina que seguida para Quito e quase eliminação por W.O surpreendeu a todos e o episódio inesperado chegou até a Maradona. 

Maradona se rendeu ao Atlético Tucumán, que quase não jogou a partida contra o El Nacional na Libertadores por problemas com o voo. Após saber da vitória do time argentino por 1 a 0, comemorou bastante: "Resista, Atlético! Somos todos tucumanos", disse o ex-jogador empolgado pelo desfecho do episódio. 

O Tucum[án escolheu fazer a preparação para o duelo em Guayaquil, cidade litorânea do Equador, a fim de minimizar os efeitos da altitude de 2,8 mil metros de Quito, onde o jogo foi realizado. No entanto, a companhia aérea chilena contratada para fazer a viagem de Guayaquil a Quito não conseguiu liberação das autoridades locais para decolar e atrasou o voo em cerca de 3 horas.

Os jogadores desembarcaram na capital só às 22h25, e o jogo estava marcado para as 22h15. Os atletas do time argentino não tiveram tempo nem para o aquecimento e nem tiveram como jogar com seus uniformes por conta da logística. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos