Autuori planeja sequência difícil do Atletico-PR na Libertadores

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL, de Curitiba (PR)

  • GUILLERMO MUNOZ/AFP

Os jogadores do Atlético Paranaense não tiveram muito tempo para curtir a classificação para a terceira fase da Copa Libertadores, tampouco conhecer a capital Colombiano, Bogotá. Já na manhã desta quinta-feira os atletas voltaram ao Brasil, com o técnico Paulo Autuori já prevendo a sequência de decisões pela frente.

Já na próxima quarta-feira, o Atlético enfrenta Universitário do Peru ou Deportivo Capiata, do Paraguai (decidem a vaga nesta quinta-feira, com o Universitário jogando em casa após vencer por 3 a 1 fora). "Essa foi a terceira partida da equipe, e já decisiva", disse Autuori, que lembrou ainda que, de brinde, terá um clássico em meio a mais uma eliminatória.

"Entre os dois jogos, já temos um Atletiba, um clássico. Assim é o nosso calendário e a gente tem que trabalhar, não se lamentar, ser uma equipe forte nesse sentido. Alguns jogos vamos jogar melhor, outros não, mas o importante é cumprir nossos objetivos", analisou, deixando no ar o pedido de compreensão para o caso de não ter o sucesso esperado pela torcida. Nas contas de Autuori, se excluem as partidas pelo Paranaense contra Rio Branco e PSTC, quando o Atlético usou um time misto. Um sinal de que o clássico com o Coritiba, dia 19, pode contar com titulares.

O pensamento de Autuori também procurou valorizar o empenho dos atletas, que nitidamente sentiram o desgaste ao final do jogo em Bogotá. "Temos apenas 26 dias de treino, para entrar numa eliminatória contra uma equipe como o Millonarios. Se ganha a Libertadores assim, com jogos dessa natureza."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos