"Anjo" da Chapecoense tem casa reformada após ajudar em acidente

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Casa de Johan antes e depois da reforma

    Casa de Johan antes e depois da reforma

Johan Ramirez ficou famoso no fim de 2016. Chamado de "anjo", o menino de 15 anos ajudou no resgate das vítimas do acidente com o avião da Chapecoense, que resultou na morte de 71 pessoas. Quase três meses depois, o garoto foi presentado com uma nova casa.

A fundação Compasion resolveu reformar a casa de Ramirez em La Union, em Antioquia. O local é muito próximo de onde o avião da Chapecoense sofreu acidente.

A reforma na casa de Johan foi completa. Além da parte externa, toda a decoração, assim como os móveis, foram entregues para o garoto, como acontece no quadro Lar Doce Lar, do programa Caldeirão do Huck. De um jeito simples, o jovem chegou a afirmar que se pudesse trocar a casa pelas vida das 71 vítimas, ele trocaria.

Johan e seu pai Miguel estavam em casa quando o avião da Chapecoense caiu. Após escutar o barulho, eles foram até o local e ajudaram os bombeiros no começo do resgate, pois conheciam os caminhos mais curtos até o avião.

Logo após a queda, em entrevista ao UOL Esporte, Miguel chegou a exaltar o filho dizendo que ele era um herói pelo que tinha feito. Já Johan revelou que tinha sonho em conhecer os sobreviventes.

Um mês depois do acidente, Johan foi recebido no Brasil por Michel Temer e foi condecorado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos