Dortmund aceita punição e terá setor de estádio fechado por confusão

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / SASCHA SCHUERMANN

A Federação Alemã de Futebol (DFB, na sigla em alemão) confirmou nesta segunda-feira uma multa de 100 mil euros (cerca de R$ 330 mil) e o fechamento de um setor do Westfalenstadion na próxima partida do clube pelo Campeonato Alemão por conta de incidentes no duelo contra o RB Leipzig, no dia 4 de fevereiro.

O anúncio das punições foi feito na sexta-feira, mas o Borussia Dortmund tinha três dias para decidir se apelaria da decisão. Porém, segundo comunicado da federação, a pena foi aceita.

A punição é referente à arquibancada sul do estádio, conhecida como "parede amarela", com capacidade para 25 mil pessoas.

Na partida há duas semanas, torcedores do Dortmund levaram cartazes atacando o Leipzig, time que pertence à fabricante de energéticos Red Bull, assim como o diretor esportivo do time rival, Ralf Rangnick, e o dono da empresa, Dietrich Mateschitz.

"Matem os touros", dizia um cartaz. Outro cartaz tinha escrito "Cerveja em vez de refrigerantes", em referência ao dono do Leipzig.

Fora do estádio de capacidade de 80 mil pessoas, alguns torcedores atacaram torcedores do Leipzig que chegavam para a partida. Eles também causaram tumultos em três outras partidas nesta temporada, disse a DFB.

Dortmund ganhou o jogo contra o Leipzig, mas os chefes do clube repetidamente pediram desculpas ao Leipzig pelo comportamento dos seus fãs.

Com informações da Reuters

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos