Grêmio não põe prazo e pode começar Libertadores sem novos reforços

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Substituto de Douglas (foto) é apontado por Renato Gaúcho como prioridade

    Substituto de Douglas (foto) é apontado por Renato Gaúcho como prioridade

O principal assunto no Grêmio segue sendo a busca por reforços. Depois da lesão de Douglas e baixa de Beto da Silva por um mês, o clube voltou com tudo ao mercado e procura quatro contratações. Os parâmetros dificultam as tratativas e fazem a diretoria não dar prazo. O Tricolor cogita, até, iniciar a Copa Libertadores com o elenco atual.

A estreia na Libertadores acontece em 9 de março, contra o Zamora, fora de casa.

"Nós temos que acertar os tiros que dermos, os recursos do Grêmio não são infinitos. Temos que analisar muito bem, a necessidade de um meia veio após a lesão do Douglas. Ou seja, é recente. Se for possível iniciar a Libertadores com esses jogadores a mais, vamos fazer. Mas vamos analisar com calma para não contratar o jogador errado", disse Odorico Roman, vice de futebol do Grêmio.

O Grêmio busca zagueiro, volante, meia e atacante. Segundo Renato Gaúcho, o substituto de Douglas e um centroavante são as prioridades. A diretoria enxerga a zaga como o setor mais carente, por ter apenas quatro alternativas atualmente.

"Nós temos que trazer um zagueiro para grupo, temos poucos zagueiros no grupo. E para qualificar o time, precisamos de alguém para o lugar do Douglas. O Beto se lesionou também. A qualificação do time passa por um atacante e um meia. Para grupo, a prioridade é zagueiro", afirmou Roman.

O Grêmio revelou ter feito uma sondagem a Lucas Leiva, que está perto do final de contrato no Liverpool. Descartou Willians, do Cruzeiro, e Carlos Eduardo, do Atlético-MG. Viu o Red Bull Salzburg recusar oferta por Paulo Miranda, ex-São Paulo e Palmeiras, e também ouviu não do Rosario Central-ARG por Damian Musto.

"A gente não costuma falar o nome do jogador. Qualquer jogador custa um X, aí o Grêmio se interessa e ele passa a custar X mais Y. A diretoria sabe o que eu gostaria de ter, eles concordam. A gente costuma fazer as coisas na moita, quietinho, tipo mineirinho. Não adianta vazar nome, a gente tem trocado ideias e conversado muito. Mas não é nada fácil. Contrata o São Paulo, Palmeiras... Eles estão com cofre cheio, aí é fácil. Aí é mole", comentou Renato Gaúcho.

No grupo 8 da Copa Libertadores, o Grêmio enfrenta (além do Zamora-VEN), Deportes Iquite, do Chile, e Guaraní, do Paraguai.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos