Agente de Adílson não descarta ir para o Atlético-MG após vínculo na Rússia

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Lucas Uebel/Grêmio FBPA

    Adílson (de laranja) está na mira do Atlético-MG para 2017

    Adílson (de laranja) está na mira do Atlético-MG para 2017

O Atlético-MG ainda busca um volante para reforçar o elenco comandado por Roger Machado em 2017. Adílson, revelado pelo Grêmio, é um dos nomes cogitados pela diretoria.

O meio-campista tem contrato com o Terek Grozny, da Rússia, até 31 de maio. Um acerto ao término do vínculo não está descartado pelo empresário Cristiano Manica.

"É possível que feche com o Atlético ao término do contrato com o Terek. Não está descartado, mas ele é muito querido lá [na Rússia]. É difícil dizer qual será o futuro ainda", afirmou ao UOL Esporte.

Embora o agente garanta que as negociações se encerreram desde dezembro, quando se iniciaram as conversas entre o diretor de futebol Eduardo Maluf e o estafe do meio-campista, a reportagem apurou que ainda há tratativas para chegada do atleta à Cidade do Galo. O jogador de 30 anos é um pedido de Roger Machado.

"Houve conversas em dezembro passado, mas hoje estão estagnadas. As coisas não avançaram, porque o Adílson é muito querido lá na Rússia e o Terek não quis liberá-lo neste início de ano. O time está na quarta colocação do campeonato local e o treinador gosta muito do Adílson", comentou.

O problema é que, se optar por fechar o acordo com o Galo, o volante só poderá atuar a partir de 20 de junho. Como o compromisso se encerra entre as duas janelas de transferências anuais do Brasil, o meio-campista só poderá atuar a partir do início da próxima. Ele perderia o início do Brasileirão e a fase de grupos da Copa Libertadores da América.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos