Coritiba denuncia Atlético-PR por carga reduzida de ingressos

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL, em Curitiba

  • Facebook/Os Fanáticos

O Atletiba 370 ganhou seu primeiro componente de rivalidade extra-campo nesta quinta-feira (16). Parceiros em muitas ações de marketing, Coritiba e Atlético-PRentraram em choque após o Furacão enviar apenas 2300 ingressos para o Coxa, entradas válidas para o clássico de domingo, 17h, na Arena da Baixada. O regulamento do Campeonato Paranaense prevê que a carga mínima visitante é de 10%. No caso, 4.233 ingressos dos 42.330 lugares disponíveis no estádio atleticano.

Os clubes tiveram uma reunião na segunda-feira para, entre outros assuntos, definir esse envio de ingressos. Na reunião ficou acertado que o Atlético repassaria os 10%, o que não aconteceu. O Coxa já esgotou as vendas dos 2.300 disponíveis e solicitou o restante. O Atlético não os enviou e o Coritiba buscou então o Ministério Público, aguardando decisão para essa sexta-feira.

O Atlético justificou da seguinte forma a decisão: "É uma questão de remanejamento de sócios de lugar, não conseguimos relocá-los. Além disso, é para termos uma melhor separação de torcidas no local", disse o presidente Luiz Sallim Emed ao jornal Gazeta do Povo, de Curitiba. Por outro lado, o Coritiba publicou uma nota oficial em seu site, reclamando da decisão atleticana.

Confira a íntegra:

"A diretoria administrativa do Coritiba Foot Ball Club informa que, da carga de ingressos solicitada junto ao Clube Atlético Paranaense para o Atle-Tiba deste fim de semana, apenas 2.300 ingressos foram confirmados para serem vendidos pelo Coritiba aos seus torcedores.

Na manhã desta quinta-feira (16), a quantidade foi disponibilizada aos sócios do Coritiba, em venda online, encerrando uma primeira fase de comercialização antes das 12 horas. Minutos depois, uma remessa de bilhetes que não tiveram suas compras aprovadas pelas administradoras de cartões de crédito voltou para a venda em uma segunda fase. Uma última fase aconteceu às 14h, encerrando a remessa em poucos minutos.

Até a publicação desta nota, o restante dos ingressos acordados, para totalizar 4.233, referentes a 10% de ocupação do Estádio Joaquim Américo, não foi enviado ao Coritiba.

O Coritiba informa que, em defesa de seus sócios e torcedores, amparado em previsão legal e acordado anteriormente com o Clube Atlético Paranaense em reunião realizada no dia 13 de fevereiro, irá acionar os órgãos responsáveis (Tribunal de Justiça Desportiva, Federação Paranaense de Futebol, Procon e Ministério Público do Consumidor) com objetivo da cessão integral da carga previamente acordada."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos