Ex-SP, Milton Cruz negocia com Náutico e deve viajar nesta sexta para PE

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

  • Rubens Cavallari-11.nov.2015/Folhapress

    Milton Cruz trabalhou por 22 anos no São Paulo e foi demitido em março de 2016

    Milton Cruz trabalhou por 22 anos no São Paulo e foi demitido em março de 2016

Sem trabalho desde março do ano passado, quando foi demitido do São Paulo, Milton Cruz é o nome favorito para substituir Dado Cavalcanti no comando do Náutico. O próprio treinador confirma a negociação e deve viajar ainda nesta sexta-feira (17) para conversar com o clube.

"Estamos conversando. Talvez eu vá hoje [sexta-feira] para Pernambucano", disse o treinador em entrevista ao UOL Esporte.

Milton Cruz foi demitido do São Paulo em março de 2016 após 22 anos no clube, quando exercia a função de analista de desempenho - ele ocupou o cargo de auxiliar técnico por muitos anos. Desde então, está sem clube.

No clube tricolor, Milton assumiu o cargo de técnico interino por várias vezes. Na última delas, no fim de 2015, ajudou o clube a conseguir a vaga na Libertadores deste ano. Neste período, comandou a equipe em 20 partidas, com 13 vitórias, um empate e seis derrotas. O aproveitamento foi de 66,7%. Em todos os 42 jogos à frente do São Paulo, foram 22 vitórias, oito empates e 12 derrotas com um rendimento de 58,7%.

Além de Milton Cruz, o técnico Sérgio Soares, ex-Ceará, também foi procurado pela diretoria do Náutico para substituir Dado Cavalcanti, demitido após a quarta derrota seguida do time alvirrubro, na última quarta-feira (15), para o Guarani de Sobral, por 1 a 0, pela Copa do Brasil.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos