Zagueiro Marquinhos, ex-Corinthians, cai no antidoping e é suspenso

Do UOL, em São Paulo

O zagueiro Marquinhos, do Figueirense, está suspenso preventivamente por 30 dias pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por ter sido flagrado em exame antidoping. O jogador fez um pronunciamento sobre o assunto nesta sexta (24) ao lado do médico Sérgio Parucker do clube catarinense e negou ter usado qualquer substância ilícita.

"Vim anunciar que saiu um documento que eu caí no doping no ano passado, no jogo com a Chapecoense, dia 6 de novembro. Estou nesse martírio há mais de um mês e hoje vim aqui esclarecer os fatos. Deu uma substância presente em anabolizante, mas eu tenho a minha consciência de que nunca usei isso", disse o jogador.

"Posso não ter uma carreira de passagem por Seleção ou muitos títulos, mas tenho a minha dignidade. No dia 28/8, no jogo contra o Santos, também fui sorteado para fazer o exame e não apontou absolutamente nada. Por isso já estamos trabalhando com advogados e químicos para provar que eu jamais fiz utilização de qualquer substância proibida", completou.

O zagueiro teve o resultado positivo em exame antidoping feito no Campeonato Brasileiro de 2016, após a partida contra a Chapecoense, dia 6 de novembro.

De acordo com o STJD, foram encontradas substâncias anabólicas na urina do jogador: "19-norandrosterone, androsterone e pregnanediol, todas proibidas pelo Regulamento de Controle de Doping da CBF e pela WADA, Agência Mundial Antidopagem e confirmadas na Amostra B realizada", disse a autoridade em comunicado.

Marquinhos está no Figueirense desde janeiro de 2014. O zagueiro ficou bastante conhecido por sua passagem no Corinthians, quando brigou com o argentino Carlos Tevez, em 2005. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos