Após goleada, Luis Enrique anuncia que deixará o Barcelona em junho

Do UOL, em São Paulo

  • Lluis Gene/AFP

    Luis Enrique no dia do anúncio de sua não-renovação com o Barcelona

    Luis Enrique no dia do anúncio de sua não-renovação com o Barcelona

Logo após a goleada do Barcelona desta quarta-feira (1º) sobre o Sporting Gijón, o técnico Luis Enrique anunciou que não renovará contrato com o clube e encerrará sua passagem por ele no dia 30 de junho deste ano. A notícia foi dada inicialmente ao elenco nos vestiários do Camp Nou, depois divulgada publicamente em entrevista coletiva. Ele deixará a equipe catalã após três temporadas.

O treinador anunciou sua decisão no final da conversa com a imprensa. "Aproveito para terminar a entrevista coletiva de uma forma diferente. Não serei treinador do Barcelona na próxima temporada. É uma decisão muito difícil para mim, meditada, muito pensada e acredito que tenho que ser fiel e justo ao que penso", afirmou.

"Gostaria de agradecer ao clube por toda a confiança recebida. Foram três anos inesquecíveis", declarou o técnico.

Luis Enrique recortou uma reunião no início da temporada com a direção de futebol do Barcelona, quando já pendia para não renovar com o clube. Lhe pediram para não ter pressa ao tomar a decisão, anunciada somente nesta quarta.

"O motivo é a forma que tenho que viver essa profissão. Isso significa muito poucas horas de descanso, de desconectar", explicou o treinador, que garantiu que trabalhará sério no tempo que resta em seu contrato.

"Faltam três meses apaixonantes. Estamos em uma situação difícil, em especial em uma competição, mas com a ajuda de todos e se as estrelas se alinharem vamos dar a volta por cima nesta partida. Minha dedicação será plena nestes meses", garantiu.

O presidente Josep Maria Bartomeu comentou a decisão do treinador: "Aceitamos a decisão de Luis Enrique, foi um grande treinador. Agora temos que terminar essa etapa da melhor forma. Luis Enrique nos deu sucesso, mas ainda pode trazer mais. Os jogadores estão motivados para fazê-lo".

O Barcelona continua na briga pelo título do Campeonato Espanhol com Real Madrid e Sevilla, porém o título mais próximo é a Copa do Rei, na qual é finalista e irá encarar o Alavés na decisão. O clube catalão segue vivo na Liga dos Campeões, mas terá que reverter no Camp Nou a golada por 4 a 0 do PSG em Paris para seguir vivo na competição.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos