Santos monta estratégia para vender nova joia ao Liverpool

Marcello De Vico e Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    Rodrygo foi promovido ao sub 17 em janeiro e pode ser integrado ao profissional neste ano

    Rodrygo foi promovido ao sub 17 em janeiro e pode ser integrado ao profissional neste ano

O Santos não descarta vender uma de suas novas promessas das categorias de base para fechar o caixa no fim deste ano. Por conta disso, o clube paulista vê com os bons olhos o interesse do Liverpool, da Inglaterra, no atacante Rodrygo, atleta que foi promovido ao sub 17 no mês passado e deve integrar o elenco profissional ainda este ano.

A diretoria santista monta uma estratégia para ganhar dinheiro com o jogador. A ideia é estender o contrato de Rodrygo para ganhar mais do que o clube inglês oferece. Inicialmente, o Liverpool cogitou pagar 5 milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões) pelo atleta.

Nas categorias de base, Rodrygo é tratado como "novo raio", como gostam de citar os santistas no clube, quando fazem alusão às revelações que se repetiram na Vila Belmiro: Pelé, Robinho e Neymar.

Cria do futsal do clube, Rodrygo foi o atleta mais jovem do alvinegro praiano a assinar contrato com a Nike, empresa de material esportivo. Ele fechou quando ainda tinha 11 anos, enquanto Neymar acertou com 13 anos.

Rodrygo é atacante de beirada, tem características semelhantes a Neymar e Robinho. A nova joia santista se destaca pelo controle de bola, habilidade, "exagero" nos dribles, velocidade, assistências e faro de gol. Pedaladas e "canetas" nos adversários são constantes e, por isso, ele é comparado aos recentes craques do clube: Neymar e Robinho.

Apesar disso, há uma ala no clube que já avisou nos bastidores que Rodrygo não é um atleta a ser comparado a Neymar e, por isso, pode ser negociado antes mesmo de estrear no profissional.

O Santos procurou a família de Rodrygo nesta semana para negociar o primeiro contrato profissional do atleta.

O estafe do atleta prioriza a renovação contratual e coloca a transferência para o Liverpool em segundo plano. Isso porque Rodrygo prefere se destacar no futebol brasileiro antes de iniciar a sua carreira na Europa.

A renovação com Rodrygo não deve ser simples. O estafe do atleta pretende aumentos salariais anuais, além de bonificações por metas alcançadas. Eles ainda pedem plano de carreira, incluindo moradia, estudos e ações de marketing. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos