Coritiba esfria Pachequinho e seguirá buscando outro técnico

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL, em Coritiba

  • Reprodução

Ainda não será desta vez que Pachequinho irá assumir em definitivo o comando técnico do Coritiba. Nos corredores do Couto Pereira, a busca por um nome mais experiente para o cargo segue, ainda que não se fale abertamente sobre nomes, após as negativas de Marcelo Oliveira e Levir Culpi.

O próprio Pachequinho falou do assunto em entrevista coletiva nesta quinta-feira: "Não mudou nada (em relação a efetivação no cargo). A minha função dentro do clube e da equipe é de interino e auxiliar técnico até a definição do novo comandante". Pachequinho já comandou o Coritiba em dois jogos neste ano (0 a 2 Atlético e 3 a 0 Prudentópolis) e estará no banco contra o J. Malucelli, neste sábado, 16h, no Couto Pereira.

Entre os nomes especulados, estão o de Rogério Micale, técnico campeão olímpico com o Brasil em 2016 e que está sem clube desde sua demissão da CBF e o de Cláudio Tencatti, técnico há mais tempo à frente de uma equipe no Brasil, dirigindo o Londrina desde 2011. Tencatti trabalhou com o diretor de futebol do Coxa, Alex Brasil, no próprio Londrina. Procurados pela reportagem, Tencatti negou qualquer contato com o Coritiba, enquanto que Micale não atendeu aos telefonemas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos