PSG rebate jornal e nega 'reserva' de avenida para comemorar Champions

Do UOL, em São Paulo

O Paris Saint-Germain rebateu nesta sexta-feira (10) duas notícias publicadas pelo jornal francês "L'Equipe' após a eliminação do clube na Liga dos Campeões e chamou o diário esportivo de "mentiroso".

Segundo a publicação, o PSG teria "reservado" com a prefeitura de Paris a avenida Champs Elysées para um desfile de campeão europeu. Além disso, os jogadores Marco Verratti e Blaise Matuidi teriam ido para uma noitada dois dias antes do 6 a 1 sofrido no Camp Nou.

"Estamos chocados pela alegação de um pedido do clube à prefeitura de Paris para permitir a organização de uma parada na Champs-Elysées caso o time vencesse o título europeu. Isso é falso e muito errado. Qual é o plano do 'L'Equipe' ao publicar tais mentiras?", questionou o clube francês.

"Matuidi e Verratti vistos na balada dois dias antes do jogo contra o Barcelona? "É um insulto ao profissionalismo deles e ao clube. Uma derrota não pode ser desculpa para propagar boatos mal-intencionados. É vergonhoso que veículos de imprensa como o 'L'Équipe' divulguem isso sem divulgar as informações. Perderam toda credibilidade", diz comunicado divulgado pelo PSG

A publicação relatou que os dois meias, titulares da equipe comandada pelo espanhol Unai Emery, estiveram em uma festa em Paris, promovida por uma marca esportiva e teriam permanecido no local até por volta de meia-noite (hora local).

Após ter vencido o Barcelona na ida por 4 a 0, o Paris Saint-Germain acabou goleado por 6 a 1, com direito a três gols sofridos nos últimos minutos, e, com isso, desperdiçaram chance de ir às quartas de final da 'Champions'.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos