Grêmio fica perto de anunciar ex-Santos e Sport como diretor executivo

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Divulgação/Sport

    André Zanotta (foto) é cotado para vaga; Felipe Ximenes foi descartado

    André Zanotta (foto) é cotado para vaga; Felipe Ximenes foi descartado

O Grêmio está perto de anunciar André Zanotta, 36 anos, como seu diretor executivo. Nesta segunda-feira (13) o profissional esteve na Arena reunido com dirigentes do Tricolor. O último trabalho dele foi no Sport, até dezembro de 2016.

É possível que o Grêmio anuncie o dirigente remunerado com outro nome para sua função. Felipe Ximenes, ex-Coritiba e Flamengo, chegou a negociar, mas desacerto financeiro impediu avanço nas tratativas.

Zanotta se reuniu com integrantes do Conselho de Administração do Grêmio ao longo do dia. Antes, ele já havia conversado com outros integrantes da diretoria. O nome dele foi sugerido por Renato Gaúcho e passou pelo escrutínio do clube em outras esferas. O perfil e o currículo agradaram.

Desde a virada do ano, o Grêmio afirma procurar um profissional remunerado que possa coordenar processos no departamento de futebol. Não exatamente um diretor executivo atuante no mercado da bola. André Zanotta se encaixa perfeitamente nessa atribuição, segundo visão do clube gaúcho.

Felipe Ximenes foi entrevistado anteriormente e agradou pela experiência no vestiário. Mas a função e a parte financeira impediram prolongamento nas tratativas.

Antes de trabalhar no Sport, André Zanotta exerceu função no Santos. E também atuou no grupo Traffic.

O cargo remunerado no vestiário do Grêmio está vago desde maio do ano passado, quando Rui Costa foi demitido. Atualmente na Chapecoense, ele foi lançado na função por Fábio Koff, em 2013.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos