Messi faz apelo por fim de guerra na Síria: 'crianças são reféns há 6 anos'

Do UOL, em São Paulo

  • LLUIS GENE/AFP

    Jogador é embaixador da Unicef

    Jogador é embaixador da Unicef

Utilizando a foto de um menino sírio em frente aos destroços de uma construção, o argentino Lionel Messi utilizou o Facebook nesta quarta-feira (15) para pedir um basta à guerra que assola a Síria há seis anos.

Embaixador da Unicef, o jogador do Barcelona lamentou as condições de vida que crianças do país do Oriente Médio têm encarado nesta década.

"Um dia de guerra já é demais. As crianças da Síria estão há seis anos submetidas à violência e crueldade de um conflito que as têm como reféns. Como embaixador da Unicef, fico de coração partido", escreveu Messi, que também chamou seus seguidores para darem apoio à Unicef na luta pelo fim da Guerra Civil Síria.

Um dia antes, no entanto, o craque argentino estava com seus pensamentos voltados para a diversão da família. Segundo o jornal "Sport", Messi foi à Disneyland Paris na terça-feira (14).

Hospedado em um hotel do resort, o jogador do Barcelona teve um encontro inusitado. Cinco dias após o 6 a 1 no Camp Nou, Messi coincidiu de se hospedar no mesmo local que o italiano Marco Verratti. Os atletas deixaram a rivalidade em campo de lado e conversaram alguns minutos na recepção do hotel, testemunhas contaram ao "Sport".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos