Atacante de time paranaense é assaltado e agredido em porta de estádio

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Rádio Banda B

O atacante Raí, do Prudentópolis - equipe que disputa a primeira divisão do Campeonato Paranaense -, foi assaltado e agredido na porta do estádio Newton Agibert na noite de quinta-feira.

Raí, que vive no alojamento do clube saiu do local para fazer um telefonema foi abordado por dois homens que levaram documentos, dinheiro e celular. Além disso, o agrediram com chutes e coronhadas na cabeça e no rosto.

Um boletim de ocorrência foi registrado, mas a Polícia ainda não tem informações sobre os criminosos.

"Nós estamos prestando todo apoio ao atleta, mas ainda não sabemos quem cometeu o crime. Isso está com a polícia", afirmou ao UOL Esporte o vice-presidente do clube, Luiz Correia.

"Fica um pouco de indignação pelo que aconteceu, mas não aconteceu nada de grave. Eles podiam ter feito até algo pior porque não reagi. Fiquei indignado pela situação dentro do clube", afirmou o jogador em entrevista à Rádio Banda B, de Curitiba.

A diretoria do Prudentópolis informou que irá providenciar reforço à segurança dos atletas, embora considere o assalto um fato isolado. 

Raí tem 25 anos e chegou ao Prudentópolis neste ano. Seu último clube havia sido o Guaratinguetá.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos