Carille confirma aval para afastamento e diz que Cristian foi infeliz

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O treinador Fábio Carille foi direto sobre o afastamento do volante Cristian. Logo depois do empate entre Corinthians 1 x 1 Luverdense, Carille disse que o jogador foi infeliz nas declarações e que ele, consultado pela direção, deu aval para que o jogador fosse colocado à parte do grupo profissional. 

"Não me sinto exposto. Estou muito tranquilo de tudo que aconteceu no ano, fui claro com todos, foi tudo esclarecido (não inscrição no Paulista). Foi tudo tratado da forma que tinha que ser. Ontem (quarta) depois do almoço - vou ser sincero, eu não leio (reportagens), mas chegaram as informações e eu quis ler o que tinha saído. A diretoria me procurou e perguntou se ia ter problema técnico em afastar o jogador", contou Carille. 

"Pensamos, discutimos e falei que não. Estou satisfeito com Gabriel e Paulo, o Warian pede espaço e o Mantuan pede espaço. Não está inscritos no Paulista, mas fez boa Copa São Paulo e durante o Brasileiro vai ter a oportunidade. A diretoria seguiu o caminho. Jogadores e diretoria sabem minha forma de lidar, eu chamo para conversar o tempo todo e foi muito infeliz a declaração dele", concluiu o treinador. 

Cristian foi afastado depois de fazer críticas ao treinador e à diretoria do Corinthians em entrevista ao Diário Lance. A decisão foi tomada pelo gerente de futebol Alessandro e pelo diretor de futebol Flávio Adauto. Ambos criticaram o jogador publicamente na última quarta. 

Veja o que mais disse Fábio Carille após empate com o Luverdense:

MUDANÇAS NO FIM DE SEMANA
É muito provável que aconteçam algumas mudanças, mas só no sábado para conversar com cada um e saber o caminho a se tomar. Com certeza, algumas mudanças vão acontecer.

VAIAS DA TORCIDA NO FINAL
É normal isso. Nós seguimos sem perder e buscando gol e buscando melhorar sempre. Vejo com normalidade. A busca por trabalho é essa. Tem que ter paciência, estamos no caminho certo. Amanhã saberemos o adversário e o próximo jogo. Estamos no caminho e sabemos que temos muito a melhorar.

JÔ EM CRESCIMENTO
Ele está melhor fisicamente, é normal. Eu já falei várias vezes que a última partida dele ano passado foi em junho ou julho. Mudamos a forma de jogar também. Hoje, jogamos no 4-2-3-1, com Rodriguinho mais próximo dele. Analisando antes, o Rodriguinho baixou muito (a marcação), e a ideia foi Maycon com Gabriel para deixar Rodriguinho mais solto para ficar perto do Jô.

SEM PRIVILÉGIOS PARA TITULARES
A ideia de trabalho é igual para todos. Fazemos um trabalho bastante intenso nos dias de treinamentos para chegar no jogo e todos estarem preparados. O Paulo Roberto entrou e fez um bom jogo, acima do esperado para o primeiro jogo do ano oficial. Nós preparamos todos para saber como utilizar no ano.

TIME CONCENTRADO
Não faltou concentração, não. Principalmente no primeiro tempo, vi a equipe marcando forte. Cobrei durante esses dias, porque às vezes você faz o resultado fora e vem com a guarda baixa em casa. Foi acima do esperado nesse sentido, mas tivemos erros de finalização para matar o jogo em certos momentos. O time criou, os números estão aí, o goleiro deles trabalhou. Chegamos na cara do gol, estamos na nossa busca em melhorar.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos