No retorno de Dedé, Cruzeiro empata e ajuda arquirrival na Primeira Liga

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

No jogo que marcou o retorno de Dedé aos gramados depois de mais de um ano fora, o Cruzeiro apenas empatou com o Joinville, por 0 a 0, em partida válida pela terceira rodada do Grupo C da Primeira Liga. O duelo correu na Arena Joinville, em Santa Catarina.

Com o resultado, os mineiros chegam a sete pontos e garantem a primeira colocação da chave. O fato dará à equipe o benefício de disputar o mata-mata como mandante. O arquirrival Atlético-MG se aproveita do resultado para assegurar a classificação também. Os catarinenses, por outro lado, terminam na lanterna, com apenas dois pontos conquistados.

O melhor: Raniel se movimenta e cria ótimas chances para o Cruzeiro

Escalado na função de centroavante, o jovem fez boa partida e se destacou em campo. Ele acertou uma finalização na trave após driblar Ferreira na principal chance do Cruzeiro no primeiro tempo da partida. O jogador ainda tentou cavar um pênalti, mas na sequência rolou para Élber finalizar. O meia, porém, não alcançou o passe. Apesar da atuação de destaque, foi substituído por Alex pouco tempo após o intervalo.

O pior: Lucas Romero tem atuação ruim na volta à equipe do Cruzeiro

O volante atuou mais avançado nos 45 minutos iniciais e pouco acrescentou à equipe ocupada por Mano Menezes. Com passes errados e erros na marcação, acabou recebendo um cartão amarelo por chegar atrasado em lance com Gustavo Xuxa. Quando foi recuado para a sua posição de origem, minimizou a atuação ruim, mas não foi o suficiente para tirá-lo do posto de pior da partida.

Dedé volta a jogar depois de mais de um ano no departamento médico

Geraldo Bubniak/Cruzeiro
Dedé se emociona antes do jogo Joinville x Cruzeiro

O zagueiro retornou aos gramados após mais de uma temporada fora de combate. A sua última atuação foi em 28 de fevereiro de 2016, quando o Cruzeiro empatou por 1 a 1 com o América-MG no Mineirão. Desde então, ele teve que fazer duas cirurgias, uma com um especialista dos Estados Unidos, para voltar a atuar com as cores da equipe de Belo Horizonte. Em seu retorno, ele foi titular durante os 90 minutos na Arena Joinville. Alguns torcedores celebraram o retorno nas redes sociais.

Revelado no Cruzeiro, Ferreira faz 1º jogo profissional pelo Joinville

Ferreira fez a sua primeira partida na carreira como jogador profissional. O curioso é que a estreia do goleiro foi pelo Joinville, mas quando estava nas categorias de base, ele era jogador do Cruzeiro. Foram oito anos na Toca da Raposa. Questionado sobre a possibilidade de iniciar a trajetória profissional no time de Santa Catarina, justamente contra o clube que o revelou, ele foi sincero: "É uma alegria. Devo muito a eles. Foram oito anos muito bons lá. Eu agradeço por tudo o que fizeram por mim, mas agora eu sou Joinville até morrer".

Zagueiro demora a voltar do intervalo e Joinville começa 2º tempo com 10

Uma situação inusitada aconteceu no segundo tempo da partida. Igor demorou a voltar do intervalo e teve que esperar alguns segundos até entrar em campo. O árbitro Adriano Mitczviski (PR) autorizou o início da etapa complementar, apesar de o Joinville ter dez jogadores apenas no gramado.

Lucas Silva revive 2014 e cria chances com chutes de longa distância

O volante mostrou, na partida desta terça-feira (21), que não perdeu uma qualidade antiga: a finalização de longa distância. O meio-campista está acostumado a bater na bola de longe e demonstrou que esta será a sua tônica na nova passagem pelo Cruzeiro. No empate em 0 a 0 com o Joinville, foram dois chutes da intermediária. Ambos passaram raspando a trave de Ferreira.

FICHA TÉCNICA
JOINVILLE X CRUZEIRO

Motivo: 3ª rodada da fase de grupos da Primeira Liga
Local: Arena Joinville, em Joinville (SC)
Data: 21 de março de 2013 (terça-feira)
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Adriano Mitczviski (PR)
Assistentes: Bruno Boschilia (PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)

Cartão amarelo: Gustavo Xuxa, Ferreira (Joinville); Lucas Romero, Dedé (Cruzeiro)

JOINVILLE: Ferreira; Lucas Sum (Jeferson), Igor, Léo Coltro e Madson (Daniel Soares); Formiga, Renan Torquato, Eduardo Person e Gustavo Xuxa; Dereck (Vitor Hugo) e Janderson. Técnico: Fabinho Santos.

CRUZEIRO: Lucas França; Mayke, Dedé, Murilo e Fabrício; Hudson (Marcos Vinícius), Lucas Romero (Bryan), Lucas Silva e Élber; Rafinha e Raniel (Alex). Técnico: Mano Menezes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos