Igualdade salarial com reforços atrasa renovação de Rodrigo Caio no SP

Pedro Lopes

Do UOL, em São Paulo

  • Ricardo Nogueira/Folhapress

    O técnico Rogério Ceni conversa com Rodrigo Caio no intervalo do clássico, na Vila

    O técnico Rogério Ceni conversa com Rodrigo Caio no intervalo do clássico, na Vila

O São Paulo aproveitou o primeiro semestre para renovar o contrato de vários jogadores importantes: Cueva, Thiago Mendes e diversos jovens da base estão entre as renovações. Uma das que vem demorando mais, entretanto, é a de Rodrigo Caio, titular absoluto na defesa – a lentidão passa por divergências nas negociações e um desejo do estafe do jogador de igualar seu salário a de outros líderes do time.

Pessoas próximas ao jogador dizem que a diferença entre as pedidas salariais segue sendo desde dezembro do ano passado o principal fator que impediu o acerto da renovação até agora. O estafe de Rodrigo pleiteia um acordo que lhe permita atingir o patamar salarial do companheiro de zaga Maicon, próximo do teto do clube, que fica em torno de R$ 400 mil.

A chegada de alguns reforços também causou questionamentos do lado do atleta sobre a postura do São Paulo na negociação – além de investimentos altos nas contratações (a compra de Pratto, por exemplo, pode passar dos 10 milhões de euros), alguns desses atletas chegaram com salários superiores ao atual e ao oferecio nas primeiras conversas ao zagueiro.

O vínculo atual de Rodrigo Caio termina em outubro de 2018 – daqui a cerca de um ano, se não renovar, o jogador passa a ficar livrE para, aos 25 anos, assinar sem custo com outro clube.

Contrariando esse discurso, pessoas ligadas à diretoria tricolor veem avanço nas últimas semanas, e ainda confiam em uma renovação – além de estender o vínculo, o São Paulo tem como objetivo aumentar a multa rescisória para eventuais novas negociações com clubes do exterior.

Rodrigo Caio está fora do confronto desta quarta, diante do Botafogo-SP, pelo Paulistão. A expectativa de Rogério Ceni é de que o zagueiro volte no final de semana, no clássico contra o Corinthians.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos