Primeiro jogador profissional na história da Chapecoense morre aos 63 anos

Daniel Fasolin

Colaboração para o UOL

  • Divulgação/Chapecoense

    Betinho, ex-jogador da Chapecoense

    Betinho, ex-jogador da Chapecoense

Faleceu na manhã desta quinta-feira em Chapecó, Carlos Alberto Lima da Silva, conhecido como Betinho, aos 63 anos. Ele foi o primeiro jogador profissional da história da Chapecoense.

Betinho chegou ao clube catarinense antes mesmo da oficialização da equipe, que ocorrera em 10 de maio de 1973. O ex- atleta jogou até 1978 e se aposentou em 1981 em sua segunda passagem pelo clube.

O ex-jogador, com mais de 30 anos de serviços prestados ao clube, esteve presente em um dos momentos mais delicados da história da Chapecoense, quando o clube quase fechou as portas. O ex-atleta assumiu em 2001 a vice-presidência da Chapecoense, para que o clube não encerrasse as atividades naquele ano.

Depois do período turbulento, Betinho assumiu vários cargos dentro do clube, passando de roupeiro a treinador das categorias de base. Betinho havia acabado de assumir o cargo de auxiliar técnico da esquipe sub-17 da Chape.

Em nota a Chapecoense comunicou com pesar o falecimento do funcionário e ex-jogador do clube que tinha 63 anos. "Mais do que um colaborador, Betinho foi um devoto da Chapecoense, sempre disposto a ajudar e fiel a essência do Clube. Fica a eterna gratidão e saudade."

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos