Pochettino se diz torcedor do Espanyol e refuta ideia de assumir o Barça

Do UOL, em São Paulo

  • Michael Steele/Getty Images

Cotado como um potencial sucessor de Luis Enrique no Barcelona, o argentino Mauricio Pochettino, técnico do Tottenham, insinuou que é impossível assumir o clube catalão. O motivo é seu passado com o Espanyol, rival local que o treinador é torcedor.

"Sou torcedor do Espanyol. Acho que não preciso falar muito", comentou o argentino em entrevista coletiva nesta quinta-feira (30).

Jogador do Espanyol nos anos 1990 e 2000, Pochettino vestiu a camisa do clube de menor destaque da cidade Barcelona em mais de 200 ocasiões, além de treiná-lo antes de assumir o Southampton na temporada 2012/13.

"É como se um dia se Daniel Levy (presidente do Tottenham) me demitir daqui uns anos, seria impossível treinar o Arsenal", comparou o técnico.

Segundo a BBC, Pochettino se reuniu com o presidente do Barcelona Josep Maria Bartomeu na última semana. Além dele, Jorge Sampaoli, Ernesto Valverde e Juan Carlos Unzué são os outros nomes cogitados para o cargo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos