Jogadores de Atlético-PR e Paraná esquentam clássico em entrevistas

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL, em São Paulo

  • Assessoria de Imprensa CAP

    Atlético e Paraná voltam a se enfrentar em mata-mata

    Atlético e Paraná voltam a se enfrentar em mata-mata

O clima esquentou para a série eliminatória entre Atlético Paranaense e Paraná Clube pelas quartas de final do Estadual 2017. Depois de vencer o Furacão por 1 a 0 e quase eliminar o rival – que contou com uma vitória do Rio Branco sobre o Foz para entrar entre os oito – o Tricolor terá pela frente, pela terceira vez nos últimos quatro anos, a missão de superar o mesmo rival para comprovar a melhor campanha da primeira fase. No Rubro-Negro, o desejo é por uma revanche depois do susto tomado.

Por isso, os meias Nikão e Alex Santana não tiveram papas na língua ao analisarem o confronto. "Enfrentar o Paraná é o que todos nós desejávamos. Eles pensaram que nós estávamos fora. Se forem perguntar se a gente prefere jogar contra o Cascavel, como todo respeito ao Cascavel, ou contra o Paraná, nós vamos preferir jogar contra o Paraná", disparou Nikão em entrevista coletiva, citando ainda o adversário do Coritiba no mata-mata. Alex Santana não deixou por menos.

Em entrevista ao UOL Esporte, Santana respondeu Nikão: "Não tinha adversário melhor que o Atlético. Um clássico. Muito bom pegar e ver quem é o melhor. Deu uma confiança maior essa vitória na quarta. Vamos com tudo pra fazer um bom resultado na Arena", comentou, lembrando ainda que ele e outros cinco jogadores optaram por levar o terceiro amarelo contra o Toledo e não enfrentaram o Atlético.

Em uma coisa ambos concordam. "O Campeonato Paranaense começa agora. A fase classificatória e o mata-mata são diferentes e nada melhor do que nós enfrentarmos o líder", cravou Nikão, que foi acompanhado por Santana: "Eu concordo com ele. É outro campeonato. O que passou passou, não adianta nada ir bem na fase de grupos e chegar no mata-mata e morrer."

Atlético e Paraná iniciam a série das quartas de final neste domingo, 16h, na Arena da Baixada. O jogo de volta será no outro final de semana na Vila Capanema. É a terceira vez desde 2014 que os rivais se enfrentam no mata-mata pelo Estadual. Em ambas o Atlético se deu melhor. Em 2014, o cenário foi o mesmo: Paraná líder, Atlético oitavo. O Furacão levou 1 a 2 em casa e foi buscar um 2 a 0 fora, se classificando. No ano passado, pelas semifinais, novo confronto. Na Arena, Atlético 2 a 1; na Vila, Paraná 1 a 0. Sem o peso do gol fora, a decisão foi para os pênaltis com triunfo rubro-negro: 4 a 2. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos