Alan Ruschel já participa de 'rachão' e deve reforçar a Chape em 10 dias

Daniel Fasolin

Colaboração para o UOL, em Chapecó

Alan Ruschel deu mais um passo importante rumo a volta aos gramados. Um dos seis sobreviventes do acidente que vitimou a delegação da Chapecoense em 2016, o lateral direito fez nesta segunda-feira (3) seu primeiro treinamento com o elenco do time catarinense após a tragédia aérea – um rachão comandado pelo técnico Vagner Mancini na última meia hora da atividade.

Ainda sem poder participar dos treinos regulares, que tenham a maior impacto, Ruschel deve retornar a eles normalmente em breve. Com a cicatrização de sua lesão na coluna ocorrendo de forma rápida e surpreendente, os médicos estimam que ele possa voltar às atividades mais intensas em 10 dias.

"Ainda tenho que respeitar algumas limitações, alguns movimentos ainda são difíceis. Meu corpo ainda precisa fortalecer um pouco mais. As coisas estão caminhando bem para que eu volte no tempo certo", declarou o jogador ao Esporte Interativo.

Carlos Mendonça, médico da Chapecoense, afirmou que o retorno de Ruschel está próximo. "Ele está muito perto de voltar a jogar. Ainda temos uma precaução em relação aos impactos na coluna, mas nos exercícios que ele realizou os resultados foram muito bons", comentou.

Ruschel já deixou o departamento médico e ficou sob os cuidados dos fisiologistas e preparadores físicos há 15 dias. Ele já passou, sem problemas, por atividades que simulam impactos e outros tipos de situações que poderiam colocar em risco a cirurgia feita em sua coluna ainda na Colômbia. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos