Zago defende Valdívia no Inter e se irrita com G. Augusto: "Eu não quero"

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Inter / Eduardo Anizelli/Folhapress

    Valdívia, do Internacional, e Giovanni Augusto, do Corinthians

    Valdívia, do Internacional, e Giovanni Augusto, do Corinthians

Antonio Carlos Zago se manifestou sobre a chance de saída de Valdívia do Internacional. Segundo o treinador, não há qualquer problema entre ele e o meia-atacante,  que tem ambiente totalmente positivo para ficar e conseguir desempenhar seu melhor futebol. O ex-zagueiro que comanda o Colorado foi além e fechou totalmente as portas para qualquer negociação com Giovanni Augusto, do Corinthians. 

"Criou-se até uma discussão entre eu e ele agora... Mas fora os que trabalharam comigo no Juventude, é o jogador que mais me dou bem no elenco, por tantas conversas que tivemos até agora. Além do desafio que tenho de fazer com que ele seja o jogador que todos esperam. Futebol para isso ele tem. Tecnicamente não tenho nenhum jogador como ele no elenco. É mais questão de oportunidade de crescer", disse o treinador. 
 
Adiante, na mesma resposta, Antonio Carlos mostrou irritação com as especulações sobre o futuro e o fato de Giovanni Augusto ter rejeitado o clube. 
 
"Se criou toda especulação em cima do Corinthians, depois se falou que o Inter ofereceu ele, o que é mentira. Se começarem a contar mentira, vou falar a verdade e mostrar as mensagens do meu celular. Ficamos chateados com algumas coisas", explicou. 
 
O Corinthians foi quem divulgou nota oficial informando que a negociação com o Inter envolvendo uma troca de empréstimos entre Valdívia e Giovanni Augusto não ocorreria porque o corintiano não aceitou atuar em Porto Alegre. 
 
"Procuraram o Valdívia desde o começo do ano. O Corinthians, o Palmeiras, o Santos, o São Paulo. Tinha a possibilidade de troca em relação ao Giovanni Augusto. O jogador não quis vir para o Inter. E agora é que não vem mesmo. Eu não quero. E se chegar aqui, não joga. Refutou o Inter, que é um grande clube. Não adianta ficar insistindo assim. As tratativas com o Valdívia com o Corinthians, já era", disse o técnico. 
 
Valdívia é objetivo de Zago. O técnico pretende recuperar a melhor forma do atleta, e para isso trata de conversar com ele repetidamente. Além de tentar dar oportunidades em campo. O cabeludo foi titular nas duas últimas partidas do Inter. Enquanto isso, faz séries de treinamentos extras para recuperar  a melhor forma devido ao tempo parado em 2016 por conta de uma lesão. 
 
"Ele é jogador do Inter e, de novo, em cima do desafio que tenho é fazer com que ele possa recuperar. Às vezes falta sequência, não é o momento, mas é um jogador que vamos utilizar da melhor forma possível", finalizou. 
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos