Estreia de Bruno pelo Boa não mobiliza população de Varginha

Victor Martins

Do UOL, em Varginha

  • Victor Martins/UOL Esporte

    Lucas, torcedor do Boa Esporte, mostra ingresso para o jogo que marca a estreia de Bruno Fernandes

    Lucas, torcedor do Boa Esporte, mostra ingresso para o jogo que marca a estreia de Bruno Fernandes

Após sete anos sem disputar uma partida de futebol, o goleiro Bruno voltará a atuar profissionalmente às 17h30 deste sábado, no confronto entre Boa Esporte e Uberaba, pela primeira rodada do Módulo 2 do Campeonato Mineiro. Mas a estreia do goleiro condenado em primeira instância por assassinar Eliza Samúdio não mobilizou a população de Varginha, nem para o bem nem para o mal.

Cerca de três horas antes do pontapé inicial as bilheterias ainda estavam fechadas, apesar de alguns torcedores procurarem por ingressos. Entre eles estava o estudante de administração Lucas Skielka, que é do interior de São Paulo, mas mora em Varginha para fazer faculdade. Sem ir ao Estádio Melão desde 2015, quando o Boa recebeu o Botafogo, o torcedor do Palmeiras disse que a ida ao campo foi exclusivamente para ver o goleiro Bruno.

"Quero ver como ele está, após tanto tempo sem jogar", comentou o estudante, que revelou um certo desconhecimento sobre a estreia de Bruno pelo Boa Esporte.

"Durante a semana pouco se comentou sobre o Bruno na faculdade. Apenas algumas pessoas estavam falando sobre a partida", completou Lucas Skielka, que nem sequer sabia que o adversário do Boa Esporte é o Uberaba e o motivo do jogo.

Com média de 640 pagantes nas partidas do Módulo 2, o Boa Esporte fez uma promoção nos ingressos para atrair mais torcedores. As entradas inteiras custam R$ 20, na parte descoberta, e R$ 30, na parte coberta.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos