Com contrato em semana final, Caixa endurece renovação com Corinthians

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Marcello Zambrana/AGIF

    Caixa pode deixar o Corinthians por fim de contrato

    Caixa pode deixar o Corinthians por fim de contrato

O contrato entre Corinthians e a Caixa Econômica Federal se encerra nesta semana e ainda não há sinais de que poderá ser renovado. Principal receita do clube depois dos direitos de transmissão, o patrocinador máster endurece nas discussões conduzidas há alguns meses. 

Dois pontos, em especial, travam a renovação. O principal deles diz respeito ao prazo de duração: o Corinthians quer R$ 30 milhões por um contrato de um ano, enquanto o banco não quer renovar com nenhum clube para além de dezembro. Assim, a proposta da Caixa é por oito meses de acordo por R$ 18 milhões. 

Os valores para renovação são o segundo ponto do entrave. Na proposta apresentada, o clube pede R$ 2,5 milhões por mês, enquanto a Caixa só aceita pagar o valor atual, na base de R$ 2,2 milhões mensais. Nesse sentido, o Corinthians já avisou que aceita renovar pelos mesmos valores do atual contrato, mas bate o pé por um acordo de 12 meses. 

Diferentemente das renovações anteriores, as conversas são lideradas pelo presidente Roberto de Andrade, com o suporte, naturalmente, do departamento de marketing. Nos últimos anos, era o deputado federal e ex-presidente Andrés Sanchez quem conduzia as conversas também com a participação do marketing. Andrés, porém, já declarou de forma pública que não auxilia mais na gestão de Roberto. 

Presente na camisa do Corinthians desde 2012, a Caixa chegou a ficar de fora durante algumas semanas, no ano passado, também por dificuldades na renovação. À época, o clube pleiteava que os valores fossem mantidos, mas o banco abrisse mão da barra das costas da camisa. Hoje, essa propriedade foi comprada pela Alcatel, fabricante de celulares. 

Diante das dificuldades de renovação, o Corinthians mantém conversas com pelo menos duas empresas interessadas no espaço mais nobre da camisa. 

Como o contrato com o Corinthians se encerra nesta semana, a marca da Caixa pode não estar presente no fim de semana, na semifinal do Campeonato Paulista, ainda sem adversário confirmado. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos