Defederico conta como Ronaldo escapou de concentração para fazer churrasco

Do UOL, em São Paulo

O meia Matías Defederico relembrou os tempos de jogador do Corinthians nesta semana. O jogador argentino de 27 anos, que hoje atua no futebol indiano, contou uma história envolvendo Ronaldo no começo da temporada 2010. Na ocasião, o ex-atacante aproveitou algumas horas de folga para fazer um churrasco. 

"Estávamos em pré-temporada, entramos de manhã e o técnico Mano Menezes nos deu folga até as 10 da noite. Não havia nada lá, estava morto e o 'gordo' odiava isso. Ele disse que ia para São Paulo. Chegou um helicóptero e foi até o edifício dele, com mais três companheiros para fazer um churrasco", disse o meio-campista em entrevista à Fox Sports da Argentina.
 
Segundo Defederico, o grupo de jogadores, que ainda tinha William, Edu Gaspar, Elias e Dentinho, não conseguiu retornar de helicóptero para a concentração em Itu, pois o churrasco acabou à noite. 
 
Restou, então, o carro como alternativa. Defederico contou que eles entraram no hotel de Itu com Ronaldo à frente dos companheiros, a fim de minimizar uma eventual bronca de Mano Menezes.
 
Defederico, que chegou ao Corinthians no meio da temporada 2009, defendeu o Corinthians até o fim de 2010, quando acabou emprestado ao Independiente-ARG. Ele atuou com a camisa corintiana em 39 jogos, com apenas três gols marcados.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos