Clubes arrecadaram R$ 310 mi com vendas na última janela, aponta CBF

Do UOL, em São Paulo

  • false

A CBF divulgou, nesta segunda-feira (17), balanço das transações internacionais dos times brasileiros ocorridas na última janela de transferências (de 12 de janeiro a 4 de abril). A entidade aponta que foram registradas mais saídas de jogadores para o exterior do que o visto no mesmo período de 2016, e o montante total com vendas supera R$ 300 milhões. 

Foram 614 transferências (contra 186 do ano passado) para o futebol internacional: 126 de amadores, 118 de profissionais como amadores, 63 de futsal e 307 feitas no sistema da Fifa (TMS), que é o que se aplica às equipes mais expressivas, por exemplo. O valor exato da arrecadação dos clubes brasileiros foi de R$ 311.421.250.

Especificamente nas transações feitas no TMS, foram 176 envolvendo jogadores sem contrato vigente, 50 empréstimos sem valores, 35 retornos de empréstimos, 21 empréstimos com valores (R$ 20.442.000) e 25 vendas de jogadores (R$ 290.979.250). 

Gabriel Jesus, que nesta janela trocou o Palmeiras pelo Manchester City, foi o principal astro a deixar o futebol tupiniquim para jogar em outro país - uma transação de mais de R$ 114 milhões. 

Ainda no balanço, a CBF mostra preocupação com o número de atletas no futebol do exterior que não tem registro na CBF. Desta vez, o número encontrado foi de 146. 

"Esse número tem aumentado muito. Estamos alertando a FIFA e sempre falo sobre isso por onde eu passo, seja nas federações nacionais ou internacionais. Como esse jogador entra no país, vive e ganha dinheiro com o futebol sem nunca ter jogado em seu país de origem? Quem está contratando esses atletas? Isso é muito estranho", disse o diretor de Registro, Transferência e Licença de Clubes da CBF, Reynaldo Buzzoni. 

As entradas

O relatório também aponta contratações de jogadores do exterior para o esporte nacional. Foram, ao todo, 530 transações - os clubes gastaram R$ 124.753.463. 

Deste total, 39 das transações foram de amadores, 22 do futsal e 479 feitas no sistema da Fifa (TMS). 

O TMS registra contratação de 335 atletas sem contrato vigente, 38 empréstimos sem valores, 81 retornos de empréstimos, quatro empréstimos com valores (R$ 1.246.200) e 21 compras de jogadores (R$ 123.507.263). 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos