Loja oficial faz protesto contra Corinthians e Nike por falta de camisa

Leandro Carneiro

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Loja no Parque São Jorge é alvo de protesto

    Loja no Parque São Jorge é alvo de protesto

Os responsáveis pela loja do Corinthians no Parque São Jorge iniciaram um protesto neste sábado. O motivo é a falta de material no estabelecimento que estaria passando por uma espécie de boicote.

Segundo apurou o UOL Esporte, responsáveis pela loja reclamam por estarem um ano e oito meses sem receber materiais oficiais de Corinthians e Nike. Os responsáveis acreditam que eles sofrem boicote por ter exercido o direito de preferência pela loja na Arena Corinthians.

De acordo com o Corinthians, o assunto está "sendo discutido judicialmente, mas da parte do clube não há nenhum boicote".

A Nike também seguiu a mesma postura do Corinthians e disse que tem fornecido material para as lojas. "A Nike segue fornecendo sua linha de produtos para os franqueados que estão em concordância com os termos e condições estabelecidos, e não comenta mais detalhes de contratos respaldados por cláusulas de confidencialidade", afirmou a marca por meio de sua assessoria de imprensa.

Frases como "aceita-se doação de camisa oficial", "loja oficial sem camisa oficial" e "até quando Al Capone?" foram expostas na vitrine da loja na sede do clube.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos