Com data para saída de João Schmidt, SP testa Militão e procura volante

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Felipe Espindola/saopaulofc.ne

    O volante Militão, no centro, com os atacantes Marcinho, à esquerda, e Morato

    O volante Militão, no centro, com os atacantes Marcinho, à esquerda, e Morato

O São Paulo já foi avisado de que só poderá contar com João Schmidt até o dia 30 de junho. Depois, o volante viaja para a Itália para se apresentar à Atalanta. Por isso, Rogério Ceni está de olho em um outro jogador para a posição. Segundo a reportagem do UOL Esporte apurou, o primeiro plano do treinador é testar Éder Militão nos próximos dias. 

Revelado nas categorias de base do clube, o jogador, de 19 anos, já havia sido integrado entre os profissionais nas últimas semanas. A ideia é aproveitar o intervalo entre o Campeonato Paulista e a partida contra o Defensa y Justicia, da Argentina, no dia 11 de maio, pela Copa Sul-Americana, para observá-lo nos treinamentos. 

De qualquer maneira, o clube também não descarta a possibilidade de contratar um primeiro volante. No entanto, a diretoria não tem a intenção de investir muito para trazer um jogador. Por isso, o departamento de futebol analisa no mercado opções em clubes do interior do estado. Ou seja, a tendência é seguir o padrão adotado nas recentes contratações dos atacantes Marcinho, ex-São Bernardo, e Morato, ex-Ituano.

Hoje, Jucilei é o primeiro volante titular na equipe de Rogério Ceni. O treinador ainda conta com  Wellington, Thiago Mendes, Araruna e Wesley. Reserva de Jucilei nas últimas partidas, João Schmidt, que já assinou pré-contrato com a Atalanta, só poderá disputar até a décima rodada do Campeonato Brasileiro, dia 25 de junho, no Morumbi, contra o Fluminense.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos