Roger Guedes diz que elenco "apelou" em trote e brinca sobre vingança

Do UOL, em São Paulo

No último dia 14 de abril, Roger Guedes foi assunto do noticiário alviverde. O jogador perdeu uma aposta e se viu no meio de uma roda feita pelos jogadores tomando tapas e chutes como forma de pagamento.

O episódio gerou comentários sobre grupo rachado, sobre problemas de ambiente, mas nada disso é verdade, segundo o próprio atacante.

Mais de uma semana depois, o atleta aproveitou a entrevista concedida em Montevidéu, onde a equipe enfrenta o Peñarol,  para explicar a situação e admitir que passaram do ponto.

"Não (tem grupo rachado), foi só um trote nosso. É uma aposta que eu perdi. Claro que na hora eu não gostei, mas isso é do grupo. Voltei para o treino depois normalmente. Não tem nada de rachado por causa dessa brincadeira. Na hora fiquei chateado, porque deram uma apeladinha. Mas agora eu já posso me vingar na próxima (risos)", disse o jogador em áudio divulgado pela assessoria de imprensa do clube.

Roger ainda afirmou que episódios semelhantes se repetirão no Palmeiras de 2017. Segundo ele, esse é o jeito de pagar as apostas daqui para frente.

"É uma brincadeira que inventaram esse ano. Já fizeram com o Vinicius também porque ele não participou de um churrasco familiar que a gente fez. Eu fiz uma aposta e paguei desse jeito. É desse jeito que combinamos e é assim que vai ser até o fim do ano". 

Falando especificamente sobre o jogo desta quarta-feira, contra o Peñarol, Roger disse que espera apanhar novamente. Dessa vez, no entanto, é pelo estilo de jogo da Libertadores.

"A gente sabe que vai apanhar bastante, porque é jogo de Libertadores. E jogo de Libertadores é assim, mas o Palmeiras veio para jogar bola e eu espero sair com três pontos", completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos