Thiago Motta critica "teatro" de rival em derrota do PSG; Balotelli irrita

Do UOL, em São Paulo

Os jogadores do PSG saíram irritados da derrota por 3 a 1 para o Nice, pelo Campeonato Francês, no último domingo (30). Expulso por dar uma cabeçada em Baysse, o volante Thiago Motta chegou a intimidar o zagueiro na zona mista depois da partida.

Enquanto Baysse concedia entrevista, Motta se posicionou atrás dele e perguntou "seu rosto está bom?". O zagueiro respondeu afirmativamente, então o jogador do PSG continuou: "espero que não dure seis meses".

Depois da partida, Motta criticou o que entendeu ser "teatro" dos jogadores do Nice. "Alguns jogadores fizeram teatro. Acredito que Paul Baysse, não sei bem como pronunciar o nome dele, foi um desses".

Outro momento de irritação aconteceu quando Balotteli levou a bola para a linha de fundo. O jogador italiano começou a passar o pé por cima dela, até ser parado com falta. Na sequência, um bate-boca com Cavani teve início.

Após o duelo, o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi, pediu um melhor nível da arbitragem local. "Se queremos que o Campeonato Francês cresça em todos os sentidos, também tem que aumentar o nível da arbitragem, porque a realidade é um pesadelo". 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos