Em meio a troca de comando, Palmeiras cede quinta folga em três semanas

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Cesar Greco/Ag. Palmeiras

    Jogadores ganharam descanso e voltam à Academia de Futebol na segunda-feira

    Jogadores ganharam descanso e voltam à Academia de Futebol na segunda-feira

A rara folga no calendário permitiu ao Palmeiras conceder um período extenso de descanso aos jogadores. Em meio ao processo de troca no comando, o clube alviverde concedeu uma folga dupla para todo o elenco; os jogadores voltam a trabalhar na Academia de Futebol somente na segunda-feira, um dia antes do previsto para a chegada de Cuca a São Paulo.

As folgas se tornaram corriqueiras durante as semanas finais do agora antecessor de Cuca no Palmeiras. Eduardo Baptista acreditava que o período longe das atividades serviria para afastar os atletas da pressão do a dia a dia.

Nas três semanas finais de trabalho, Eduardo Baptista e a comissão técnica cederam cinco folgas – as últimas duas ocorrem neste final de semana, em meio ao processo de transição para a chegada de Cuca, que deve desembarcar em São Paulo na terça-feira.

Antes da folga dupla, o Palmeiras descansou nos dias 17 e 18 de abril, logo após a dura derrota por 3 a 0 para a Ponte Preta. A equipe também não trabalhou na última sexta-feira do mês passado, um dia depois do desembarque do Uruguai – vitória por 3 a 2 sobre o Peñarol, a última de Eduardo Baptista.

A folga deste final de semana serve também como o último respiro antes de uma rara semana cheia de trabalho. Cuca estreia pelo clube apenas no domingo, dia 14, diante do Vasco, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. O próximo duelo pela Libertadores ocorrerá em 24 de maio, diante do Atlético Tucumán-ARG. Ambos os jogos terão o Allianz Parque como palco.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos