Marcelo diz viver momento mais feliz na seleção e fala sobre voltar ao país

Do UOL, em São Paulo

  • Pierre-Philippe Marcou/AFP Photo

Em ótima fase no Real Madrid, o lateral Marcelo se achou novamente na seleção brasileira sob o comando do técnico Tite. Em entrevista ao Esporte Interativo, o jogador disse estar "vivendo o seu momento mais feliz na equipe nacional" e ainda comentou uma possível voltar ao Brasil no final de sua carreira.

"O futebol do Brasil é diferente da Europa. Eu não sei se eu me adaptaria ao Brasileiro. Eu queria encerrar carreira no Real, mas queria jogar no Fluminense, que me revelou, e também no Botafogo que é o time da minha família. Se eu fosse jogar no Brasil eu queria que fosse em um bom nível. Não vou para ficar de férias, quero ir bem", comentou.

Marcelo creditou a Tite o seu momento mais feliz na seleção brasileira, diferente da época de Dunga. O antigo treinador não vinha chamando o lateral do Real Madrid.

"O Tite tentou pegar o que cada um faz de bem no seu clube para dar na seleção. Juntou tudo e cada um deu seu máximo na seleção. Conta muito também como ele fala com a gente. Ele grita, da esporro e sempre estamos muito bem com ele. É muito legal viver esse momento na seleção. Eu acho que nunca senti essa felicidade que sinto hoje de estar na seleção brasileira", disse. 

O atleta do Real Madrid ainda negou qualquer desentendimento com Dunga na época da seleção. "Eu não tive problema com ele (Dunga). Se eu tivesse problema, eu falaria. Mas eu não teria nenhum problema, por isso eu nunca tive vontade de perguntar pra ele, porque eu nunca tive problema".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos