Grêmio rejeita proposta do Atlético-MG e mantém cobrança sobre Victor

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Thomás Santos/AGIF

    Victor é pivô de dívida do Atlético-MG com o Grêmio que se arrasta há cinco anos

    Victor é pivô de dívida do Atlético-MG com o Grêmio que se arrasta há cinco anos

Grêmio e Atlético-MG tentaram um acordo extrajudicial para abater a dívida que ainda persiste da transferência do goleiro Victor, em 2012, mas não deu certo. O presidente tricolor, Romildo Bolzan Júnior, informou que o clube gaúcho rejeitou a proposta atleticana.

A tentativa de acordo nasceu após encontro dos clubes no Paraguai, antes da quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. Atlético-MG e Grêmio ficaram hospedados no mesmo hotel, antes dos duelos diante de Libertad e Guaraní, respectivamente.

No local, houve conversa entre Daniel Nepomuceno e Romildo Bolzan Jr. Os dois presidentes decidiram avançar para uma oferta formal de quitação, inclusive com o Galo deduzindo os valores que entende ter direito pelos empréstimos de Werley, a Santos e Figueirense. O zagueiro, atualmente, está no Coritiba após deixar o Grêmio ao fim do contrato.

Nepomuceno e Bolzan já haviam se encontrado no Rio de Janeiro, em reunião da CBF. Na oportunidade, a dívida pela transferência de Victor não veio à tona. À época, o Grêmio tinha obtido bloqueio de contas do Atlético-MG na Justiça.

"Ele [Daniel Nepumoceno, presidente do Atlético-MG] me procurou para recebermos o que o Atlético-MG quer. Disse que aceitaria receber uma proposta. E a proposta chegou ontem, mas não foi uma proposta boa. O Grêmio recusou porque considerou que a proposta não convém. O constrangimento é nosso por não receber o valor da dívida, mas é daqueles que desdenharam dela e até agora não pagaram sendo uma dívida líquida e certa", afirmou o mandatário.

Bolzan ainda mostrou-se descontente com as declarações do presidente do Atlético-MG, que foi contrário à conduta do Grêmio no caso. "Vamos deixar neste nível em vez de procurar palavras que não solucionam o problema. A proposta que eles fizeram não soluciona o problema", disse.

Relembre o caso

Victor trocou Porto Alegre por Belo Horizonte na metade de 2012. No negócio, o Grêmio recebeu Werley e mais um pagamento parcelado. No ano passado, a dívida ficou milionária. Neste ano, o Tricolor entrou com pedido de execução da dívida. Depois, conseguiu penhora online das contas do Atlético-MG quando da venda de Lucas Pratto ao São Paulo.

Paralelamente, o Grêmio também iniciou trâmite junto à CBF. Os advogados do time gaúcho pediram bloqueio de registros do Atlético-MG. O órgão da entidade máxima do futebol brasileiro pediu mais esclarecimentos e ainda não analisou a demanda.

Ao não ter pago o valor determinado, o Atlético-MG ainda foi multado e o valor da dívida cresceu para R$ 12 milhões.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos