Vítimas de acidente do Vasco são liberadas, mas seis seguem internadas

Do UOL, em São Paulo

  • UOL Esporte

Permanecem internadas seis das 22 vítimas do acidente com um ônibus que transportava a delegação sub-17 do Vasco. Neste domingo, o clube informou que a maioria já foi liberada após atendimento em hospitais da região serrana do Rio e da capital carioca.

O analista de desempenho Filipe Nunes está em observação em um hospital particular por sentir dores lombares. Em outro hospital, o jogador Caio Lopes permanece tratando uma lesão na pele e segue em observação.

Os atletas Vinícius dos Santos, Michel Kevin e Matheus Luiz fizeram todos exames e estão em observação, assim como a assessora de imprensa Larissa Ramos. Eles têm previsão de alta para esta segunda-feira (15).

Bruno Chiaromonte precisou passar por uma cirurgia na mão. "O Bruno foi transferido para um hospital em São Gonçalo", disse Egas Manoel, vice-presidente médico do Vasco ao Sportv. "Foi feita uma primeira cirurgia lá e amanhã ele ser reavaliado por nosso cirurgião de mão e a posteriormente fazer uma nova cirurgia de tendões."

Nenhum teve lesão grave. No sábado, o ônibus virou ao fazer uma curva perto da cidade de Cachoeira de Macacu, quando trazia o time de volta ao Rio após vitória de 2 a 1 sobre o Friburguense.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos