Renato Gaúcho não poupa elogios a si mesmo. "não sou bom, sou muito bom"

Do UOL, em São Paulo

  • REUTERS/Edison Vara

    Renato Gaúcho acompanha partida do Grêmio do banco de reservas

    Renato Gaúcho acompanha partida do Grêmio do banco de reservas

Renato Gaúcho estava de língua afiada quando falou por 50 minutos com o jornal Zero Hora em entrevista publicada neste sábado. O treinador encheu o próprio trabalho e elogios e disse que sua chegada ao comando do Grêmio foi decisiva para o clube conquistar a Copa do Brasil ano passado.

"Eu não sou bom, sou muito bom. Não é pouca coisa não. Enxerga quem quer. É simples."

A resposta foi dada quando Renato Gaúcho respondeu como vê os comentários de quem diz que ele é apenas um motivador. O técnico falou que quando chegou o time tocava muito a bola, não finalizava e tomava muitos gols.

"Gozado, cheguei aqui, corrigi isso e ganhamos a Copa do Brasil."

O técnico declarou que usa seu conhecimento para influir em vários aspectos do clube e afirmou que se sente autorizado a isto porque sabe o que está fazendo: "eu me garanto". Ele justificou a postura porque se as coisas não forem feitas de maneira correta em outros setores, estouram no treinador.

"As coisas precisam ser do jeito que eu quero. Sempre respeito as outras opiniões, mas a palavra final é minha."

Renato Gaúcho criticou os comentaristas esportivos, disse que nem eles se entendem e contou que não assiste programas esportivos. A exceção é ver os gols da rodada. O treinador do Grêmio desafiou os especialistas a estarem numa mesa com ele para ver lances e apontar onde está o erro das jogadas. Ainda declarou que não precisa estudar futebol e falou que muitos que vão fazer cursos na Europa trazem na mala apenas fotos com figurões do futebol.

Mas o técnico afirmou que não significa que ignore o futebol. Revelou que assiste todas as partidas de Série A e da Série B e estuda o trabalho dos outros treinadores. Renato ainda avaliou o trabalho de medalhões como Guardiola e Mourinho. Disse que eles entregam listas de craques e formam seleções, o que facilita ganhar títulos. O treinador afirmou que queria ver a dupla comandando equipes média.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos