Ex-Corinthians vive drama com enchentes em AL e busca ajuda de Andrés

Marcello De Vico e Vanderlei Lima

Do UOL, em Santos e São Paulo

  • Arquivo pessoal

    Ex-goleiro do Corinthians, César teve casa alagada por conta das enchentes

    Ex-goleiro do Corinthians, César teve casa alagada por conta das enchentes

As fortes chuvas que atingiram os Estados de Alagoas e Pernambuco nos últimos dias já provocaram, além de mortes e desabamentos, muitos prejuízos aos moradores dos locais mais afetados. É o caso do ex-goleiro do Corinthians, César, que ficou marcado por uma falha na semifinal do Campeonato Brasileiro de 1982, em jogo contra o Grêmio. Hoje vendedor de lanches na praia do Francês, ele mora em Marechal Deodoro (AL) e vem enfrentando problemas tanto em casa como no trabalho.

Em conversa com o UOL Esporte, ele deu detalhes do prejuízo que vem tendo por conta das enchentes que tomaram conta de sua cidade. "Está quase tudo devastado. A hora que eu acordei, no domingo, quando eu abri a porta, a água veio avançando, avançando... A água entrou em casa a água e inclusive eu tive que pegar cavalete e pedaços de madeira para levantar a geladeira. Material de trabalhar, cama, está tudo pendurado agora. O pessoal da Defesa Civil passou e estima-se um metro de altura de água", disse.

Arquivo pessoal
"Ontem [domingo], quando amanheceu, a água estava na porta, e eu fui acordando todo mundo. Eu moro com a minha esposa e mais dois filhos, e falei: 'vamos correr, vamos levantar tudo e bota para cima as coisas'. O mais pesado a gente colocou em cima de balcão, de cavalete, inclusive a gente fica de sobreaviso, pode voltar, né? Podemos descer tudo novamente e inundar muito mais ainda. As chuvas começaram fortes de sexta para sábado e de sábado pra domingo. Só se vê as pessoas passando de caminhão, aqui e em Barra Nova [outro local afetado], e pessoas se alojando em grupo escolar", acrescentou.

Trabalho na praia ainda está prejudicado

César costuma andar, todos os dias, cerca de 3 km até a Praia do Francês, em Alagoas, para vender lanches. Com o trabalho, ele ganha até 800 reais por mês, mas nos últimos não tem conseguido sequer sair de casa para trabalhar. "Afetou, porque eu não posso sair de casa pra trabalhar. E essas chuvas intensas já vêm se arrastando há uns 15 dias, e você chega na praia e praticamente nem tem cliente. Com a chuva não tem como trabalhar", lamentou.

Arquivo pessoal
O ex-goleiro do Corinthians conta ainda como que ter participado do programa de Rodrigo Faro, da TV Record, ajudou-o a ter menos prejuízos com a casa. "Quando eu participei do programa Rodrigo Faro, ele me deu 10 mil reais, então a minha casa estava exposta, só feita embaixo, e a laje em cima, então eu peguei o dinheiro para levantar a parte de cima. Inclusive, se olhar nas fotos, você vê que ficou inacabada porque acabou aquele recurso. E agora eu espero trabalhar e ir fazendo devagarinho... Foi o que me salvou neste momento, porque se eu não tivesse feito isso teria agora que correr para o grupo escolar", disse.

A boa notícia para César é que, além de não perder a casa e o carrinho com que trabalha, também não viu nenhum conhecido ser vítima das tragédias. "Aqui no perímetro onde eu moro não perdi [ninguém], graças a Deus ninguém da família ou conhecido, mas em Maceió tem famílias com membros desaparecidos, soterrados. Onde estou é mais perda de danos materiais...", acrescentou.

Busca por ajuda envolve ex-presidente e ídolo corintiano

Arquivo pessoal
Em situação delicada, César busca ajuda de pessoas ligadas ao Corinthians para ajuda-lo com os prejuízos provocados pelas fortes chuvas. O ex-presidente do clube, Andrés Sanchez, e o ex-goleiro e hoje comentarista Ronaldo Giovanelli estão entre os procurados.

"O presidente da República [Michel Temer] esteve sobrevoando a área. Eu preciso de ajuda, um pequeno capital de giro para trabalhar. Eu mandei essas fotos da enchente para o Andrés [Sanchez] para ver se ele dá um retorno, mas eu tenho quase certeza que o Ronaldo Giovanelli, que trabalha com o Neto na Band, poderia ajudar até mais do que esse pessoal maior", completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos