Por que Gustavo Scarpa não trocou o Fluminense pelo Palmeiras?

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • NELSON PEREZ/FLUMINENSE F.C.

    Gustavo Scarpa foi sonho de consumo palmeirense no início do ano, mas ficou no Flu

    Gustavo Scarpa foi sonho de consumo palmeirense no início do ano, mas ficou no Flu

Uma oferta de R$ 20 milhões do Palmeiras quase fez o meia Gustavo Scarpa deixar de vestir tricolor no início deste ano. A situação financeira delicada fez o Flu balançar, mas o camisa 10 contou as razões para que o negócio não fosse adiante:

"Com o status que tenho hoje fica meio complicado me transferir para um clube do Brasil. Seria muito ruim para Fluminense uma peça-chave reforçar um rival. O clube não tem interesse em me negociar com clubes do Brasil, mas fiquei feliz pelo reconhecimento, foi um sinal de que estou fazendo um bom trabalho", disse o jogador. 

A declaração foi dada em meio a uma entrevista exclusiva que ele concedeu ao UOL Esporte. Scarpa permaneceu nas Laranjeiras, mas elogiou seu "quase time". Para ele, não resta dúvidas sobre qual a melhor equipe do Brasil.

"Acho que é o Palmeiras. Ano passado era muito chato e difícil de ganhar deles. Creio que foi o mais difícil de todos no ano passado", disse ele. 

Na noite de quarta-feira, o jogador viu o Fluminense ser derrotado por 2 a 0 para o Grêmio e cair na Copa do Brasil. Agora resta ao Flu a disputa da Copa Sul-Americana, da Primeira Liga e do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos